• Talita Bortoluzzi

Suor excessivo tem tratamento?

Atualizado: 17 de Jul de 2018

A hiperidrose é uma afecção caracterizada pelo suor excessivo podendo acometer tanto homens quanto mulheres.


Esse suor exagerado pode estar presente em qualquer parte do corpo, mas é mais comum em axilas, palmas das mãos e nos pés. #dicastalitabortoluzzi

Nos casos mais intensos, a hiperidrose pode tornar embaraçoso o convívio social, levando o paciente ao isolamento.


O sistema nervoso simpático comanda a produção de suor pelas glândulas sudoríparas e pode ser bloqueado de duas formas:

  • Secção do nervo - É a maneira definitiva de tratamento mas também a mais radical. Secciona-se um nervo (simpatectomia) através de uma cirurgia bloqueando o estimulo na área afetada.


  • Toxina botulínica - Para os que não pretendem passar por cirurgia, o Botox surge como uma alternativa altamente eficaz e segura. Por bloquear o estimulo do suor junto às glândulas, a toxina botulínica reduz temporariamente a produção do suor, em torno de 4 a 6 meses.


A aplicação é feita no consultório, dura em média 15 minutos e o efeito já é notado a partir de 72 horas, podendo ser reaplicada a cada 6 meses.

Para sanar suas dúvidas agende uma consulta 😊

#dratalitabortoluzzi



Até breve 😉

©  2018 por Dra. Talita Bortoluzzi - CRM 151791

E-mail: talitabortoluzzi@yahoo.com.br

Tel: 12 3943-6677

Criado por Carolina Lopes Digital 

  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon

São José dos Campos - SP